Mais coordenação e equilíbrio com Pilates

Atinja diversos públicos

16 de novembro de 2017

Categoria: Sem categoria
Compartilhe
Mais coordenação e equilíbrio com Pilates

Ao longo da vida, é normal as pessoas irem perdendo a capacidade de coordenar os movimentos e o equilíbrio. Essa perda pode ser decorrente de doenças neurológicas ou apenas da diminuição de massa muscular, comum na terceira idade.

“A coordenação é um fenômeno intra e intermuscular caracterizado pela ativação das musculaturas na ordem e em momentos adequados. O equilíbrio é a habilidade de manter o corpo estável em determinada situação. E isso adquire-se com o treinamento. Com o avanço da idade e perda muscular o equilíbrio e coordenação são comprometidos. Para manter a coordenação é necessário a execução de padrões motores em todas as amplitudes e planos de movimentos”, explica a Dra. Eliane Coutinho.

O método Pilates pode proporcionar esses padrões de movimentos, por meio de exercícios funcionais de solo e nos equipamentos. “Dessa forma, o Pilates desenvolve, treina e reabilita a coordenação motora, associando movimentos de membros superiores e membros inferiores. Trabalhando movimentos conjuntos, a atividade gera inúmeros benefícios, como o ganho de coordenação e equilíbrio”, relata.

Com exercícios de alongamento e fortalecimento, o Pilates trabalha todas as musculaturas, desde as mais superficiais, até as mais profundas – e esse é o grande diferencial do método. O resultado é um conjunto de vantagens para o corpo: melhora da respiração e da postura, disposição, alinhamento corporal, força, alongamento, coordenação motora, equilíbrio, tratamento e prevenção de inúmeras doenças e consciência corporal.

Além de trabalhar o equilíbrio e a coordenação nos idosos, você pode atuar nesse mesmo sentido com as crianças. Nesse caso, o Pilates funciona de forma preventiva, acompanhando e estimulando o desenvolvimento. Dessa forma, você atrai todos os tipos de públicos e aumenta o fluxo de clientes no seu estúdio.

Voltar